quarta-feira, 24 de agosto de 2011

O Jogo da Glória

A final da Supertaça Europeia está a gerar grande apreensão junto da hostes portistas, não só por causa do adversário, que só por si já assusta, mas também pelo facto de a equipa não corresponder em campo como seria de esperar e de se notarem alguns sinais de intranquilidade do nosso treinador. Vítor Pereira não tem o carisma do seu antecessor e não tem um discurso muito enérgico e assertivo. Deve mostrar outra atitude quando está com os jornalistas e não criar enredos que são autênticos novelos de lã, onde ele próprio acaba por ficar preso. Acima de tudo tem de mostrar serviço, isto é, por a equipa a jogar futebol e só depois mandar farpas aos rivais e nunca o oposto.
Por tudo isto parece-me que a Final da Supertaça é claramente o desafio que vai marcar o seu percurso no FC Porto, não se trata só de ganhar ou perder mas sim o caminho, a forma como vai por a equipa a jogar e enfrentar o adversário. São inúmeros os treinadores que chegam a estes jogos e mostram temor, quase que uma síndrome de pequenez que afecta uma boa parte dos treinadores de equipas portuguesas. Claro está que a estratégia de encolher as equipas dá sempre mau resultado, não é surpresa para ninguém, já quando se ousa ir mais além, correr riscos, enfim arriscar estamos muito mais perto da glória. Vítor Pereira tem a última palavra.

Amândio Rodrigues, 24 de Agosto de 2011

5 comentários:

Anónimo disse...

Sinceramente, não espero uma vitória na sexta-feira. Só um erro pontual do Barcelona (expulsão de um jogador, autogolo, frango do Valdés....) nos pode fazer sonhar... Já ficarei satisfeito se o Porto for personalizado e discutir o resultado.... E Hulk vai ter o seu grande teste na sexta-feira...
Dragão de Seia

João Cabrita disse...

Vítor Pereira não deve jogar em função do adversário. Se sair Varela do onze, o escolhido deve ser James ou outro extremo. Seria catastrófico deixar Hulk ao abandono. O VP tem que ser mais sereno nas conferencia imprensa. Talvez quando as boas exibições começarem. Aposto 2-1 para o Porto

Hugo disse...

Infelizmente parece que ja comecou a inventar.James de fora dos convocados.
Nao consigo entender

Miguel Lima disse...

caríssimo(s),

hoje, independentemente do resultado final, seremos Porto! sempre!


«este é o nosso destino»: «a vencer desde 1893»!

saudações desportivas mas sempre pentacampeãs! ;)

Miguel | Tomo II

David J. Pereira disse...

Boas!

Devo dizer que gosto imenso deste blogue!

Podem adicionar os meus aos vossos links? Eu prometo que retribuo :p

http://davidjosepereira.blogspot.com/

Saudosos cumprimentos!