sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Incertezas

Pairam no ar ainda algumas interrogações sobre o FC Porto estar ou não em retoma, tenho para mim que neste momento ainda não é seguro afirmar que “o velho FC Porto está de volta”, é manifestamente exagerado afirmá-lo, o que é evidente é que a equipa está melhor do que há alguns jogos atrás. Foram essas melhorias que permitiram dar a volta em Aveiro e vencer o jogo com todo o mérito, e por um resultado que só pecou por escasso.
Do Dragão vão chegando alguns rumores, que sendo verdadeiros, nos levam a crer que uma mini-revolução estará em curso, algo que podemos dar como adquirido é que Vítor Pereira ganhou, pelo menos para já, o seu braço de ferro com os jogadores com o apoio do presidente Pinto da Costa, mas nada no mundo da bola se pode dar como vero. O que verdadeiramente faz falta é ganhar, pois são as vitórias que dão confiança, mesmo nem sempre jogando bem, e o próximo jogo é daqueles bastante perigosos e que exige máxima concentração, mas a obrigação é ganhar.

Amândio Rodrigues

1 comentário:

ℙΣ₦₮∀ ➀➈➆➄℠ disse...

caríssimos,

nada como um cheirinho a Cebola para fazer chorar quem já se preparava para comemorar algo em que terá que colocar mais empenho do que campos inclinados, arbitragens tendenciosas, mergulhos para a piscina transformados em penalidades máximas «e que assim»...
foi ouro sobre azul, onde até o sôr Vítor esteve bem :D

somos Porto!, car@go!
«este é o nosso destino»: «a vencer desde 1893»!

saudações desportivas mas sempre pentacampeãs a todos vós! ;)

Miguel | Tomo II