segunda-feira, 10 de setembro de 2007

"Fiquei no FC Porto e fiquei muito bem!"

El Comandante, o jogador preferido do "blog", deu hoje uma entrevista ao jornal "O JOGO" garantindo que, depois da especulação da pré-época, acabou por ficar "em casa" ao referir-se à cidade do Porto. Na entrevista, tal como no campo, Lucho teve personalidade, ambição, altruísmo e gratidão. Aqui ficam algumas frases do internacional argentino, para reflectir:

"A minha família também é muito feliz aqui e isso é muito, muito importante para mim no momento de tomar qualquer decisão. Os adeptos gostam de mim, o treinador também e o FC Porto é um grande clube, pelo que não tenho nada a lamentar."

"Sei que fizeram um esforço económico muito significativo para me manter cá e sinto que isso é uma prova de confiança muito grande em mim, o que aumenta a minha responsabilidade para continuar a fazer o melhor que posso por um clube que sempre me tratou bem."

"Fomos campeões em dois anos consecutivos. O que significaria para os que estavam cá no ano passado, se os novos entrassem de imediato na equipa?"

"Há muita gente por aí que trabalha muitas horas fazendo algo de que não gosta e que ganha muito menos dinheiro do que os jogadores de futebol, que fazem o que mais gostam. Não tenho razões de queixa por causa de um ou outro dia de descanso a mais ou a menos. Há gente que se levanta às quatro ou cinco da manhã para ir trabalhar e ganhar o sustento da família e nós trabalhamos três ou quatro horas por dia."

"O Besiktas e o Marselha são duas equipas com públicos fantásticos, que criam ambientes especiais, com muita pressão sobre os adversários. Justamente, são ambientes muito parecidos com os que sentíamos na Argentina e é neles que prefiro jogar ainda hoje."

"O FC Porto está mais forte do que Sporting e Benfica. Acho que isso acontece porque o FC Porto tem uma equipa que joga junta há dois anos com muito poucas alterações. Depois, tentamos fazer sentir aos nossos adversários a pressão de estarem a jogar contra o bicampeão nacional."

2 comentários:

Anónimo disse...

lucho,um luxo de jogador. scpmigascp

zarolho disse...

só faltou dizer: "Sou portista desde pequenino"!!!