quarta-feira, 3 de outubro de 2007

A «foto do dia» - Lemos

"Jamais esquecerei aqueles golos. De vez em quando, ainda gosto de pensar naquilo que fiz". Foi na tarde de 31 de Janeiro de 1971 que Lemos teve o dia mais importante da sua curta passagem pelo FC Porto. Nesse dia, marcou quatro golos ao Benfica em pleno Estádio das Antas, numa célebre vitória do FC Porto por 4-0! Essa vitória frente ao Benfica foi um marco na carreira de Lemos e um recorde que ainda hoje perdura. Lemos recorda com precisão e com orgulho cada pormenor desse partida: "no primeiro golo, o falecido Pavão fez-me uma assistência e só tive de empurrar a bola. O meu segundo golo foi espectacular! Quando ninguém acreditava que chegasse à bola, quase na linha de fundo, desferi um pontapé que surpreendeu o Zé Henriques. No terceiro, o Bené fez um lançamento lateral, apanhei a bola em posição regular e fiz um chapéu ao guarda-redes. E no quarto, estava com um problema num joelho e o Humberto Coelho não acreditou que chegasse a tempo mas ultrapassei-o e toquei a bola à saída do guarda-redes." No final desse jogo, um dos patrocinadores do FC Porto, espantado com a exibição de Lemos, resolveu premiar o jogador e ofereceu-lhe latas de tinta, 100 contos, uma máquina de lavar à roupa, um gira-discos e uma televisão!!!

1 comentário:

Adriano Correia disse...

Amigo:


E já na Luz, nessa mesma época de1971/72, tinha obtido DOIS golos no empate 2-2.

É nessa altura que se «descobre» (dito pela mãe) que o Lemos tinha sido... benfiquista.


um abraço.