segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Intrigante…. e entusiasmante!

Confesso que esta época ainda não tinha sentido tanto “apetite” por um jogo do FC Porto. A exibição da semana anterior e a atmosfera que se viveu no Dragão com o regresso de Lucho fizeram com que o jogo frente à U. Leiria se tornasse numa espécie de ‘prato principal’ depois das ‘entradas’ da semana anterior. Foi, por isso, uma meia desilusão assistir aos primeiros 45 minutos. O FC Porto tentou sempre jogar bom futebol, mas fê-lo de forma lenta e previsível. Intrigante esta intensidade média/baixa que o FC Porto tem apresentado nalguns jogos. Ontem valeu pela 2ª parte. Esse já é um FC Porto capaz de gerar entusiasmo. Com James (e sem Varela!) houve mais harmonia no futebol que o FC Porto praticou. Ainda assim, é melhor esperarmos pelo próximo ciclo de 4 ou 5 jogos para percebermos se esta ‘versão entusiasmante’ que vimos na 2ª parte veio mesmo para ficar.
Há duas semanas atrás o FC Porto também jogou com alegria e desenvoltura frente ao Vit. Guimarães. No entanto, apenas uma semana depois, frente ao Gil Vicente, regressou a apatia e o conformismo que já lhe tínhamos visto no início da época. Esta irregularidade exibicional também ajudou a “cavar” os actuais 5 pontos que nos separam do 1º lugar.
Agora, esperemos que as vitórias e o bom futebol também sejam acompanhados por uma atenção permanente do FC Porto ao que tem acontecido com as arbitragens. O silêncio dos responsáveis portistas tem algo de sinistro (talvez a táctica dos ‘soundbytes’ e da exposição pública esteja a ser trocada por algo menos mediático e mais eficiente). Estamos em crer que o FC Porto não deixou passar em claro o que aconteceu na 17ª jornada, em Barcelos e Santa Maria da Feira. Essas duas arbitragens podem ter condicionado (talvez irremediavelmente!) a Liga 2011/12.

1 comentário:

ℙΣ₦₮∀ ➀➈➆➄℠ disse...

caríssimas(os),

eis só eis o meu estado de espírito para hoje:
«amo-te FC Porto»!

somos Porto!, car@go!
«este é o nosso destino»: «a vencer desde 1893»!

saudações desportivas mas sempre pentacampeãs a todos vós! ;)
Miguel | Tomo II