segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Atitude compensou falta de rotinas


A vitória foi mais difícil do que o resultado mostra, mas justíssima tendo em conta a determinação que o FC Porto colocou no jogo. Foi essa urgência em vencer que compensou a falta de rotinas do «onze» que iniciou o jogo. Nota-se que neste momento Vítor Pereira tem o plantel unido e do seu lado. Assim se explica a atitude determinada (Otamendi merece um destaque especial) que mais de metade da equipa apresentou na Choupana.
Um FC Porto que se apresentou na Madeira ainda sem 3 lesionados no sector defensivo (Maicon, Alex Sandro e Fernando) e muito massacrado pelos jogos e viagens das Selecções. Se tivermos em conta que o Nacional teve a semana inteira para preparar o jogo e que Manuel Machado dispôs de quase todo o plantel para treinar, facilmente chegamos à conclusão que era difícil pedir mais ao FC Porto. Esta semana está a ser muito difícil de preparar e planear para Vítor Pereira. Lesões e jogos de Selecção em simultâneo! Julgamos que é mesmo a semana mais difícil desde que a época começou. Nestas circunstâncias, seria fantástico se à vitória de ontem juntássemos mais duas, frente a Dinamo de Zagreb e Sp. Braga. É que se o FC Porto de Vítor Pereira conseguir sair ileso deste ciclo muito condicionado por lesões e deslocações complicadas, então significa que temos espírito e plantel para o que der e vier!  

3 comentários:

alex disse...

O FCP abordou de modo correctíssimo esta eliminatória da Taça de Portugal, quer quanto ao onze inicial, quer quanto à postura da equipa em campo. Um clube com um orçamento elevado como é o do FCP quer ganhar, como é óbvio, todas as provas em que participa, mas cada uma a seu modo, com os meios mais adequados. Querer ganhar não significa ter de ganhar, a única prova que o FCP tem mesmo de ganhar é o campeonato nacional, a CL , se as coisas correrem a jeito, é a segunda prova que o FCP não poderá deixar fugir, as taças, como complemento, até dão um certo jeito, mas não salvam épocas seja do ponto de vista desportivo, seja financeiro. Rodar os jogadores menos utilizados e vencer, fora de casa, por 3 a 0 constitui um êxito absoluto!
Estava convencido que o jogo com o PSG era já a seguir, se o Porto vencer o jogo de Quarta-feira, então bastará empatar com o PSG.

TertúliaPortista disse...

Amigo muito bem-vindo à Tertulia Portista aproveite e se puder faça uma divulgação da nossa página estamos à espera dos likes dos amigos deste blog.
Saudações Portistas!

alex disse...

E esta! Não sei se fiz mal, pois não pedi licença, mas tenho vindo a divulgar este blog no Facebook com a intenção de que mais portistas tomem conhecimento e comentem a quantidade de material que aqui existe sobre o nosso clube, e não propriamente para que façam publicidade às suas páginas, mas enfim, temos de aceitar...

Saudações portistas!